sábado, 17 de abril de 2010

andorinha

Às vezes, somente algumas, sinto falta... falta de alguém pra ligar, alguém pra encher, alguém pra falar eu te amo diversas vezes e dar beijinhos até cansar.
Às vezes, eu sinto falta. Falta do telefone tocar, falta de alguém pra conversar, falta de alguém pra dizer tudo o que ainda resta aqui... esse todo amor que pretendo dar à alguém.
Mas esse alguém não vem, ou quando surge desaparece da mesma forma com que surge: num mistério sem fim.
Não sei se é medo, ou precipitação, mas sempre o deixo partir...
O amor tem sido, pra mim, feito uma andorinha; vem me fazer visitinhas certas vezes, me trazer saudade, mas vai-se embora deixando somente a vontade de amar novamente. [...]

E mais uma vez, lá se vai a andorinha.

Ah, andorinha, perdoe-me, mas estou a desistir de você; de todo o amor, de tudo isso que guardo aqui pra alguém. É que há uma parte em mim que coleciona carinhos, coisas boas; como uma caixinha. Pretendo abri-la somente para pessoas que as merece. Quem abri-la terá apenas amor. O amor que eu darei sem cessar.
Mas lá vem você andorinha, me trás esperanças e depois vai-se embora.
Oras, vá andorinha! Vá voando, dar de amores à outro alguém.
Já cansei de querer dar amor, amar; e não ter ninguém.





P.s: Perdão pelo desaparecimento. A escola tem me tomado todo o tempo. Blogueiros que falam comigo por msn, e mantém contato fora daqui, sabem do que estou dizendo. Quase nem tenho entrado na internet. Acabei de finalizar um trabalho quase agora. Só tenho entrado para fazer pesquisas, ou quando me resta tempo. O blog toma muito tempo, pois tenho que responder comentários e tenho o maior prazer de ler os posts de vocês, lógico; então acabo por deixá-lo por último.
Nem por isso quero abandonar aqui. Detesto a ideia de ter que abandonar. Não abandonarei, mas se eu sumir, me perdoem.

Um grande beijo
Obrigado pelo apoio
Fiquem com Deus



21 comentários:

  1. Que lindo *-*
    adorei o texto.
    Realmente os estudos tomam muito nosso tempo, te entendo ^^

    bjus =*

    ResponderExcluir
  2. É complicado mesmo, essas coisa de amor. Mas sua vez vai chegar, e nunca mais se sentirá sozinha.

    ResponderExcluir
  3. passarinho leva o sentimento pra longe, mas quando ele resolve parar pra descansar um pouco, acaba por abrir o bico, e o vento traz o amor que ele carregara pra longe de volta pra casa. a casa que ele havia feito no fundo da nossa alma.

    ResponderExcluir
  4. Pode demorar mais o seu alguem vai aparecer. (y)'
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Muito, muito lindo seu texto *o*
    As vezes me sinto exatamente assim.

    e, não tem como negar, eu também estou MUITO ferrada com essa coisa de estudar.

    http://contandohistoriasempre.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. nossa *-* adorei
    adorei como vc falou da andorinha que traz amor.

    eu sei como é isso, ficar sem tempo pro blog por causa da escola :x

    bjs :*

    ResponderExcluir
  7. Cara, a minha queridona Mari falou TUDO:

    "passarinho leva o sentimento pra longe, mas quando ele resolve parar pra descansar um pouco, acaba por abrir o bico, e o vento traz o amor que ele carregara pra longe de volta pra casa. a casa que ele havia feito no fundo da nossa alma."

    Demais essa menina, demais mesmo. Minha poetisa fofa da blogosfera!

    Muito bonito o texto, querida.
    De uma doçura incrível.

    Tá perdoada pela ausência; são coisas da vida, rs.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  8. Todos sentem essa falta. Mas o melhor a fazer é ter esperanças que esse alguém vai chegar um dia, por mais que as estradas que ele tenha que percorrer sejam longas.

    ResponderExcluir
  9. Ammor sou a Bartty dona do CDB' (http://www.clubedabartty.blogspot.com/)
    Estou seguindo seu blog, sempre estarei aqui comentando.
    Visita lá também ...
    beeijos :*
    http://www.clubedabartty.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. Amei...realmente,essa andorinha adora fzer visitas e em maioria quando começamos a acostumar com a sua presença,ela vai embora.Já senti diversas vzes,vontade de desistir,mas vc desiste da andorinha e ela n desisti de vc e com o determinado tempo,ela chegará p/ ficar!

    Beijos
    [Obs:entendo sua falta de tempo,passo pla msm correria,affz]

    ResponderExcluir
  11. Ah o Amor está para mim,como está para você,feito uma Andorinha! Lindo texto! Entendo perfeitamente a falta de tempo,por causa dos estudos!Espero que esteja indo tudo bem! *-*

    Bjs

    ResponderExcluir
  12. Não se desiste do amor, até porque o próprio amor não permite isso! A andorinha vai chegar, pode apostar!

    Beijos e não some!

    ResponderExcluir
  13. Ah...
    Lindo!!!
    Você usa as palavras com uma doçura incrível...
    São poucos que conseguem isso...
    Amei!!!

    Quanto a sua correria...
    Sei como é isso...
    Mas perdôo você...
    Só não nos abandone...
    Suas palavras são doces que adocicam meu dia... =]

    Bjs

    P.S.: Outro dia passei tão correndo por aqui que me esqueci de responder uma perguntinha que tu tinhas deixado no meu blog...
    Acredito que seja pura coincidência que minha escrita lembre roteiros de cinema...

    ResponderExcluir
  14. Oisss. Achei seu blog, adoreeeeiii e estou seguindo! Segue o meu tambem?! Beijos =)

    ResponderExcluir
  15. Ah que texto mais lindo. Tão suave e belo com o voo de uma andorinha. Ameiiii
    Entendo a falta de tempo, mas fique tranquila. Quando puder me add no msn
    marieamorim@hotmail.com
    bjs

    ResponderExcluir
  16. Apaixonei por esse texto. É tão lindo!


    xx

    ResponderExcluir
  17. Às vezes quando o às vezes vem, deixa a gente às vezes.

    ResponderExcluir
  18. felizes são os que não precisam de ninguém para completar e muito menos necessitam completar alguém. felizes são oq não se prendem na própria liberdade.

    ResponderExcluir
  19. Ando me sentindo assim.

    Procurando alguém que quando aparece, vai mais rápido do que tudo. T.T
    _______________________________

    Menine, eu também detesto ônibus velho, parece que ele vai capotar ou se desfazer no meio do caminho, igual aos desenhos antigos sabe, quando só resta a roda.
    ________________________________

    Gats, no meio do caminho, eu achei que o post que eu tinha publicado no Retilíneo num foi muito bom e resolvi mudar, o post novo que está no lugar (sou tão vagal que nem fiz um post novo, só mudei o nome e o texto auhaua)também é sobre brasília, mas um pouquinho diferente.

    No fturo pretendo fazer uma lista com as 10 coisas que transformam Brasília numa roça! auhaua Que tal?

    Beijos,
    Bell.

    ResponderExcluir
  20. Tem dias que tudo que queremos é ter alguém que possa dar-nos elogios, que possa nos ligar e dizer que se preocupou.
    Texto maravilhoso como sempre. E não se preocupe, garanto que esperar vai valer a pena, a cabeça volta cheia de ideias!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  21. estudos
    é cruel e chato saber q pessoas passam 80% da vida estudando ou trablahando e dando sua vida por uma empresa
    iauHSiuAHSiauS
    [droga nada a ver]

    andorinhas felizes
    rasgam o céu
    cantam bem.
    fazem belos ninhos
    verdadeiros artesãos.
    liberdade.
    for ever.

    enfim
    ótima semana com feriado.
    tiradentes...jesus...
    são todos parecidos.
    ainda bem que um morreu d roupa pra saber diferenciar *-*
    abraços e feliz dia do banco de onibus sem almofada...
    pq viajar sentado é coisa pra poucos.. [momento protesto~]

    ResponderExcluir

Faça um comentário, se houver um. Caso ao contrário, se apenas gostou do texto, ou o leu e não há nada a declarar, clique nas opções acima (Eu li/E gostei).
Saiba que não precisa obter conta no Google para comentar, você pode deixar seu comentário como anônimo. Preferindo se identificar, deixe seu e-mail ou algo assim. Os comentários de postagens recentes passam primeiro pela minha aprovação, não o postarei de você quiser deixá-lo oculto.

Pratique a leitura.

Translate